MARINA E GERALDO :: TURMA 2302

Você já pensou em quantas vezes por dia podemos esbarrar com pessoas que irão fazer parte da nossa história?
Seja na casa, no trabalho, na escola… a efemeridade das relações às vezes não nos permite ir além de um simples cumprimento, ou um “Bom Dia”. Às vezes você pode até reconhecer uma pessoa de algum lugar. Às vezes você pode se tornar amigo(a) ou tecer mais laços afetivos, que podem simplesmente serem desamarrados pelo tempo. Talvez percamos, inocentemente, oportunidades, não apenas aquelas profissionais. Mas é esta “perda” que possibilita novos encontros e novos recomeços. Talvez, no fundo do coração, todos nós saibamos que momentos como esse são necessários.

Durante toda a vida escolar, a Marina e o Geraldo estiveram no mesmo local, mas até então não se conheciam. No último ano, mudaram para a turma 2302 do Colégio Santa Rosa, se aproximaram, se apaixonaram… e mudaram os seus caminhos.

Ficou curioso(a)? Aperta o play e vem se emocionar com a gente! 😉

Família Clarté

Ficha técnica: filmagem por Clarté; foto: S3A; Making Of: Studio K e Quinta das Pedras; Cerimonial: Edila Porto; Decoração: Cristina Mutran; Cerimônia: Catedral da Sé; Recepção: Usina 265; Música Cerimônia: Francisco Campos; Música Recepção: Medida Provisória e Vaguinho.

LORENA E ROBERTO :: ME COMPLETA

Tem vezes que a gente se percebe no caminho certo, né?
Seja por motivos como: estudos estarem em dia, ou quando você conseguiu aprovação naquele tão esperado cargo, ou simplesmente por estar bem consigo mesmo.
Mas sabe quando aquela pequena chama no peito, lembra que falta um pedacinho a ser completo no seu coração?
Às vezes demoramos para compreender a mensagem da chama, seja por conta da correria ou dos atropelos do dia-a-dia, ou talvez seja simplesmente porque ela se incendeia no momento certo. Foi assim que Lorena, ao entender seus sentimentos pelo Roberto, compreendeu que ele a completava de uma forma totalmente nova e diferente.

Família Clarté

Ficha técnica: foto e filmagem por Clarté; Making Of: Junior Fiel; Terno e Vestido: Ricardo Almeida e Paulo Dolce; Cerimonial: Georgina Ribeiro (Único Eventos); Decoração: Lúcia Carvalho; Cerimônia: Catedral da Sé; Recepção: Hangar; Música Cerimônia: Quorum; Música Recepção: Balada.com, Fruta Quente e RP2.

INEZ E PEDRO :: A CHEGADA DA ISABEL

“Ah, mas é bom demais falar sobre essa família, especialmente pelo fato de termos estado presente desde antes do ritual do casamento, até porque depois que o casamento passa, é normal que os clientes voltem à “vida normal”, com trabalhos e coisas do tipo, daí, quando procuram a gente nem que seja pra dar um “oizinho”, é uma festa. Sabe aquela sensação de “dever cumprido”? Pois é, é uma sensação que se sobrepõe a essa. A Inez e o Pepê é de uma energia tão boa que o trabalho flui e nós quase não notamos. Aliás, o caso com a família toda (de ambos os lados) é bem assim. A gente sempre começa com o intuito de fazer umas fotos e, quando menos esperamos, estamos sentados, tomando um café, comendo uma comida mexicana, falando sobre as novidades, como se fôssemos amigos há muito tempo… Tudo bem que já tem um tempinho dessa nossa história, só que ela se tornou ainda mais gostosa com o anúncio da chegada da Isabel.

No final de 2016, a Ligia (uma das irmãs da Inez) nos procurou com o intuito de fazer um ensaio de família e coisa e tal, daí veio logo o anúncio da gravidez da Inez e aquela alegria toda por ter uma nova integrante na família. Claro que fotografamos o barrigão, né? Acontece que a Isabel resolveu chegar às vésperas do casamento da Ligia, que correu pra SP, pra ver a tão esperada sobrinha e, na loucura das idas e vindas, me chamou pra mais uma aventura: fotografar o ensaio de pré-casamento deles lá e fazer o primeiro acompanhamento da Isabel, isso num intervalo de dias. Deu certo? Sim. E como deu! Passado o casamento da Ligia, em outubro, lá veio a Isabel à sua primeira visita em Belém, justo no Círio, e quem estava lá pra acompanhar de novo? 🙂 Em resumo, na primeira visita que fiz à Isabel, ela nem abria os olhinhos, estava toda delicada no colo dos seus pais. Já no segundo encontro, a primeira coisa que ela fez quando me viu foi sorrir e eu percebi que continuava em casa. ❤ Terminamos esse nosso último encontro com a promessa de todo mundo voltar a um cenário bem familiar agora, em 2018, com a Isabel já grandinha… Querem saber mais? Não se preocupem, logo diremos. 😀

B. Miranda.”

Ficha técnica: fotos de Clarté by Bruno Miranda.